...
Feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
® Talentosos Escritores 2011/2015 - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Postagem em destaque

O sorriso que muda tudo - Texto Especial

Engraçado quando você gosta de uma pessoa e ela não te dá nenhuma chance. Não corresponde seus olhares, alega que a distância é um fardo eno...

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Featured Posts

Social Icons

Arquivo do blog

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você
Clique e conheça! Por Adriana Vieira

Arquivados

Tenha Talentosos Escritores no seu E-Mail

Compartilhe suas ideias!

Compartilhe suas ideias!

Em breve!

Marcadores

Traduza!

@Leoangellus

Anuncio!!

Leitor (a) da Semana

Leitor (a) da Semana
Quem será o próximo (a)?
"O site Talentosos Escritores" estará passando por mudanças em breve. Portanto, a ausência de postagens de conteúdos importantíssimos como as novelas por exemplos. Mas isso é algo que estamos organizando, tempo ao tempo. Eu, como administrador, estou contando com uma equipe boa pra poder fazer o site cada vez melhor. A gente está se reunindo pra obter novidades em alta pra você, que nos acompanha há muito tempo. Peço desculpas pela demora dos conteúdos e a gentileza de aguardarem pacientemente. O Talentosos Escritores vai mudar, mas tenho certeza de que será pra melhor ok! Um grande abraço a todos." - Leandro Angellus

Oferta Amazon!

sábado, 14 de junho de 2014

13º Capítulo - Distante Amor

Amanhece na capital carioca.
O comércio local começa a abrir suas portas e desde cedo, o povo trabalhador já enfrenta as estações de metrô e as rodoviárias lotadas. A fila para conseguir o bilhete único em sua enorme extensão. Bebê de um lado choramingando enquanto o pai de família leva o outro filho no banheiro e deixando a esposa ali esperando. Por outro lado, turistas que mal conhecem a capital pedem informações no guichê. Os ônibus já começam a encher. Algumas pessoas correm para não perder a viagem pro trabalho. Enquanto isso, o trânsito está um caos. Discussões entre motoristas, guardas de trânsito multando alguns motociclistas, estudantes indo e voltando passando pelas faixas de pedestres, vendedores ambulantes oferecendo descontos, enfim, cada um seguindo a vida de sempre. E se no Rio é assim quanto mais em Sampa, terra onde mora Danilo. A rotina é a mesma coisa, mas com um porém: Greve dos ônibus, fruto de uma histórica disputa pelo comando do sindicato dos motoristas e cobradores de ônibus de São Paulo, que se arrasta há décadas e já foi marcada por mortes e tiroteios em eleições recentes. Desta vez, a guerra sindical estourou porque um grupo dissidente não aceitou o acordo aprovado pela categoria de reajuste salarial de 10%. Os dissidentes resolveram começar uma greve-surpresa, obrigaram motoristas a descer dos veículos, estacionaram ônibus nos corredores e bloquearam terminais. O resultado foi o engarrafamento recorde no ano nas principais artérias da cidade – 261 km de vias travadas – e 230.000 pessoas sem transporte público na capital.



Caos em São Paulo

Bárbara sai de casa e o marido pergunta pra onde ela vai. Ela responde que vai pra casa de uma amiga e ele então a deixa ir. Ele volta ao trabalho e atende os clientes, que assistem ao jornalismo na televisão comentando sobre o estado caótico dos ônibus.
_Como é que pode né? _Um deles comenta. _O povo que paga por uma situação dessas.
_Nem fala meu amigo. Eu tinha que ir para um bairro próximo daqui e nem pude por causa dessa greve. _diz Gracindo revoltado.
_Onde esse Brasil vai parar? _diz outro cliente.
_O governo do Brasil tem que tomar providências. O povo precisa de ônibus pra trabalhar e estudar e uma paralisação dessas compromete a sociedade inteira. _diz Gracindo firme. _O Brasil precisa melhorar!
_E precisa mesmo. Por mim não deveria nem acontecer a Copa aqui! _comenta um dos clientes.

Já Gláucia recebe Bárbara em sua casa e as duas decidem conversar um pouco.
_Então me conte as novidades! Como anda as coisas com o seu filho e a Eleonora?
_A mesma de sempre amiga. Meu filho é um palerma por ter escolhido aquela mulher.
_Ela deve ter feito alguma obra maligna pra ele virar cachorrinho aos pés dela.
_Nossa amiga! Você falou uma coisa agora que martela em minha mente o tempo todo. Aquela bandida fez macumba pra ele sim. Isso não duvido. Mas eu vou salvar o meu filho dela.
_Amiga, a vizinhança toda conhece o perfil da Eleonora. Seu filho pode estar sendo enganado o tempo todo.
_E você acha que eu não sei disso? Ah minha querida quando ela estava morando com ele em minha casa, eu soube de traições da parte dela. E ele feito um bobo teve a audácia de ainda viver com aquela safada depois de ter feito das nossas vidas um inferno.
_Se sei amiga. Eu fui testemunha do que você passou com aquela periguete. Por que o seu filho não enxerga logo que tem coisa muito melhor na vizinhança do que ela?
_Amiga, eu sei que você já foi apaixonada pelo meu filho.
_Ah Bárbara isso faz muito tempo. Ele nunca se interessou por mim de verdade.
_Eu entendo. Enquanto essa Eleonora existir, ele vai continuar sofrendo.
_Bom, pelo que se percebe ele está todo feliz.
_Feliz agora amiga. Depois vai ser a mesma coisa de sempre. Presta atenção no que vou dizer: essa mulher não mudou e vai fazer o meu filho infeliz de novo. Pode ter certeza! _diz Bárbara séria.

Danilo e Jéssica tentam se ver de novo pela Webcam e desta vez dá certo para ambos. Pela primeira vez, os dois ficam frente a frente e se conhecem virtualmente. A emoção toma conta de Jéssica e um sorriso transparece no rosto do rapaz. Elogios á parte, os dois jogam conversa fora por horas e acabam identificando mais coisas em comuns. Jéssica aproveita pra apresentar Ingrid a ele que a cumprimenta gentilmente. Ela faz o convite dele fazer-lhe uma visita ao Rio. Jéssica fica animada quando o rapaz responde que está chegando em breve.
_Vou lhe fazer uma surpresa amor! _diz Danilo, confiante.


_Eu vou curtir muito sabia? Te aguardo ansiosa aqui meu anjo!
E Jéssica se vira à Mãe e comenta:
_Ele não é fofo?
_Sim, filha! Ele é lindo! _responde Ingrid, sorrindo.
Danilo sorri um pouco envergonhado e as duas percebem.
Jéssica faz um coração com as mãos e diz:
_Estou entregando meu coração à você Danilo. Por favor, não machuque!

Danilo sorri feliz e em sua mente, lhe passa uma sensação de que recebera uma grande responsabilidade.


Eleonora acorda cedo e toma o seu café sozinha enquanto Edmilson desperta na cama. Ele vai ao seu encontro, deseja bom dia e a beija nos lábios e ela se afasta um pouco. Ele estranha a atitude dela.
_Posso saber o que está acontecendo?
Eleonora dá de ombros e responde:
_Não está acontecendo nada ok! Eu só preciso ficar sozinha um pouco.



_Amor. _ele se aproxima dela e tenta abraça-la. _você está diferente comigo. Eu fiz alguma coisa errada?
_Você não fez nada lindo. Preciso ir trabalhar. Você vai pro seu trabalho também?
_Vou sim. Depois da aula. Se você quiser conversar depois...
_Não se preocupa amor. Não é nada. _diz ela, indo pro quarto e o deixando pensativo.


Danilo bate à porta da secretaria da faculdade e pergunta pelo professor Juca ao diretor que responde que ele acabou de sair.
O rapaz agradece e corre atrás dele que neste momento, está abrindo a porta do seu carro para ir embora.
_Professor! _ele chama, vindo correndo em direção ao carro.
Juca estranha a atitude do rapaz e abre o vidro da janela do carro.
_Danilo?
_Professor, será que a gente podia conversar? É importante!
Juca fica sério com o pedido do rapaz.

Katiele encontra Victoria conversando com Júnior e alguns amigos no pátio.
_Oi amiga tudo bem? _pergunta Victoria.
_Oi! Tudo sim Victoria. _responde a jovem.
_Eu e o Júnior estamos conversando aqui com a galera sobre uma parada que a gente está querendo fazer nesse final de semana.
_Que parada é essa?
_Sabe aquele barzinho da esquina que recentemente foi inaugurado. A gente vai comer pizza e se divertir a beça.
_Que legal! Eu estou inclusa nesse programa?
_Mas é claro! E não aceitaria não como resposta. Eu só queria que o Danilo viesse com a gente também.
_Danilo? Ah amiga esquece. Ele está em outra.
_Eu sei disso. É uma pena né que ele troque as amizades por uma desconhecida da internet?
Júnior se intromete no assunto.
_Vai ficar falando nesse playboy agora? Victoria você é minha agora e não quero te ver com papo pra cima daquele lá não.
_Oh ta bom! Não fica com ciúmes ta porque odeio homem ciumento. _diz Victoria.
_Eu só quero cuidar do que é meu.
Victoria beija júnior e pisca o olho pra Katiele que sorri disfarçadamente.



João Paulo faz o seu serviço quando Eleonora chega e o encontra em sua frente. O garçom a encara.
_Oi! Será que a gente pode conversar depois do seu expediente?
_Sim. Claro. _responde o rapaz, deixando a bandeja na mesa.
_Ótimo! Eu te encontro mais tarde então. _ e ela sai, andando devagar.
João Paulo fica paralisado com as curvas da jovem e o gerente fica de olho no rapaz.
_Joãoooo Paulooo! Acordaaa!
O garçom volta pra realidade e se atrapalha um pouco.
_Ohh! Não precisa gritar né?
_Ah com você eu preciso. Pow! Olha quanto trabalho temos por aqui e você fica focado em outra coisa. Toma juízo rapaz! Trabalhar vai!
_Ta bom! Desculpa! _diz João Paulo, saindo ás pressas pra levar o cardápio pra cliente à sua espera.

O professor Juca e Danilo resolvem conversar no carro.
_Então diga o que queres rapaz?
_Professor, lembra quando o senhor falou que eu devia me esforçar mais para estudar?
_Sim. Lembro Danilo. Mas você não vai querer perder seu tempo estudando né já que existem milhares de coisas mais importantes do que conhecimento.
_Engano seu professor. Eu resolvi encarar os livros.
Juca fica em silêncio nesse instante e depois tenta disfarçar o riso.
_Desculpa. Eu acho que não entendi direito. O aluno brigão e cheio de arrogância, se achando o melhor nas ruas quer agora se dedicar aos livros? Danilo, o que está acontecendo com você?
_Professor, eu admito que cometi muitas bobagens. Até parar na delegacia, já parei.
_Claro. Portando drogas e uma arma.
_Mas eu mudei.
_Humm. Entendo. E por isso precisa da minha ajuda né?
_Também. Aliás, eu não estou fazendo isso só por mim não. Tem uma pessoa que realmente se importa comigo.
_Deixa eu adivinhar. Sua família né?
_Eles também professor mas tem uma em especial. O senhor já deve estar captando o que quero dizer.
_Olha Danilo, vou ser sincero com você: eu acho até bacana você querer mudar e se dedicar aos estudos, mas se está fazendo isso por obrigação a uma garota só pra deixar impressionada com suas atitudes, eu acho que você não deveria agir assim. Conhecimento é tudo rapaz e se você quer se dedicar de verdade, primeiramente pensa em você e em segundo nos outros.
_Eu sei o que quer dizer professor. Mas sei lá eu quero isso pra minha vida agora. Cansei de bancar o menino rebelde e que só apronta nas ruas. Essa garota que conheci, está me mostrando coisas que eu nunca imaginei ver.
_Danilo, se você está confiante de sua decisão, conte comigo! Eu vou te ajudar no que você precisar mas com uma condição.
_Fala!
_Se eu perceber que você não está levando os estudos a sério, eu desisto e não te ajudo mais. A partir de hoje, você tem um acordo comigo. Se quebrar, não tem volta.
Danilo cospe na mão e direciona a ele que fica sério.
_Eu aceito a sua condição e prometo que desta vez tudo vai ser diferente. Sem confusões, sem transtorno, sem más companhias. Quero estudar e me tornar responsável a partir de agora!
Juca sorri e aperta sua mão fortemente.
←  Anterior Proxima  → Inicio
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meu Canal no Youtube

Novidade!!

Blogs Brasil

Google+ Badge

Ajude o site e ganhe um brinde exclusivo!

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Siga-nos por E-Mail

As Top 5+!

Frase do Dia

Seguidores