...
Feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
® Talentosos Escritores 2011/2015 - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Postagem em destaque

O sorriso que muda tudo - Texto Especial

Engraçado quando você gosta de uma pessoa e ela não te dá nenhuma chance. Não corresponde seus olhares, alega que a distância é um fardo eno...

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Featured Posts

Social Icons

Arquivo do blog

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você
Clique e conheça! Por Adriana Vieira

Arquivados

Tenha Talentosos Escritores no seu E-Mail

Compartilhe suas ideias!

Compartilhe suas ideias!

Em breve!

Marcadores

Traduza!

@Leoangellus

Anuncio!!

Leitor (a) da Semana

Leitor (a) da Semana
Quem será o próximo (a)?
"O site Talentosos Escritores" estará passando por mudanças em breve. Portanto, a ausência de postagens de conteúdos importantíssimos como as novelas por exemplos. Mas isso é algo que estamos organizando, tempo ao tempo. Eu, como administrador, estou contando com uma equipe boa pra poder fazer o site cada vez melhor. A gente está se reunindo pra obter novidades em alta pra você, que nos acompanha há muito tempo. Peço desculpas pela demora dos conteúdos e a gentileza de aguardarem pacientemente. O Talentosos Escritores vai mudar, mas tenho certeza de que será pra melhor ok! Um grande abraço a todos." - Leandro Angellus

Oferta Amazon!

sábado, 4 de outubro de 2014

47º Capítulo - Distante Amor

Depois de tantas lágrimas, Suzane decide tomar providências.
_O que você vai fazer amiga? Eu perdi ele pra sempre! _diz Jéssica, nervosa.
_Relaxa! _e ela pega o celular e liga pra ele novamente.
Desta vez, Danielly atende o telefone.
_Eu sei que ele não quer falar com ninguém mas preciso falar com ele. É importante! _diz Suzane, já descontrolada.
_Só um momento... _e ela vira-se ao filho. _É a amiga dela. Quer falar com você!
_Mãe, eu não estou pra ninguém hoje ok!
E ela volta a falar ao telefone.
_Ele...
_Eu ouvi o que ele disse D. Ingrid mas fique certa de uma coisa: Jéssica não vai desistir do seu filho... _nesse momento a jovem olha intrigada e ela continua. _e ela precisa muito falar pra ele a razão de não ter pegado aquele maldito ônibus.
Danielly ouve Suzane atenciosamente cada palavra e repete ao filho que fica simplesmente em silêncio.
Após o telefone ser desligado, ela conversa com o rapaz.
_Jéssica tem o seu endereço. Ela não vai desistir de você.
_Pouco me importa. O que ela fez não tem perdão mãe.
_Sabe o que eu acho? Que tudo isso está estranho demais.
_Estranho porquê? Mãe eu e a Jéssica estamos separados a quilômetros.
_Mas ela te ama meu filho. Jamais iria te trair justamente com o ex dela. E esse amor que vocês sentem um pelo outro? Não significa nada?
_Ah mãe eu não sei. Eu estou muito decepcionado por dentro. Quando o ex dela falou aquelas palavras, meu mundo caiu e depois que eu falei com ela, ela ainda teve a coragem de me perguntar se eu já estava sabendo de tudo. Poxa mãe assim não dá mesmo! Perdi a confiança nela.
_Bom, sei que meu conselho você não vai querer seguir mas quero que pense bem no que vou dizer: tente esclarecer bem essa história porque não me convenceu. E se essa Jéssica gosta de você de verdade, ela vai vir atrás ou simplesmente vai tentar te esquecer. Mas a verdade sempre aparece. Nunca esqueça disso.
Suzane incentiva Jéssica a não desistir do seu grande amor.
_Mas e se ele não querer mais olhar na minha cara?
_Amiga, presta atenção: a gente vai junto pra São Paulo. Nem que a gente tenha que rodar a cidade toda mas o Danilo vamos achá-lo. Ele precisa olhar nos teus olhos e saber que você foi violentada sexualmente. Se ele te ama, ele vai ficar do teu lado.
_Você estaria disposta a ir comigo?
_Mas é claro! Só vou precisar de algumas semanas pra poder resolver algumas coisas por aqui. Mas não vou abrir mão dessa viagem com você. Nós dois juntas vamos resolver tudo.
_Eu estou preocupada com meus pais. Eles vão ficar interrogando e eu não estou preparada pra enfrentá-los.


_Você precisa falar a verdade a eles. Eles vão ficar do seu lado amiga. O que Victor fez foi totalmente absurdo.
_Sim. Meu pai adora o Victor. Ele sabendo disso... _e dos seus olhos cai as lágrimas novamente.
_Amiga, fique assim não! Você precisa ser forte agora. Victor interferiu na sua felicidade e você precisa provar a verdade ao Danilo. Ele tem que saber que você foi vítima disso tudo.
_Concordo. _diz Jéssica, secando as lágrimas com as mãos.
_Posso te fazer uma pergunta pessoal?
_Sim. _responde ela.
_Você chegou a se envolver sexualmente com o Danilo?
_Não. _diz ela um pouco mais tranquila.
_Nossa! Danilo vai odiar isso. Conheço homem.
_É por isso que estou assim nervosa com tudo isso. Eu amo ele e quero viver com ele pra sempre mas o Victor atrapalhou tudo.
Suzane fica com um olhar sério.

E a cidade se ilumina e a lua no céu clareia as ondas da praia de Copacabana. Bem ali próximo a imagem do Cristo Redentor de braços abertos, abençoando o povo carioca.
A campainha toca e Victor atende a porta quando é surpreendido por dois socos no rosto e no toráx. Dois brutamontes dão uma surra nele e o jogam contra a parede, deixando-o totalmente indefeso e machucado. Após saírem, Suzane entra e deixa um recado:
_Não se aproxime mais de Jéssica entendeu? Se chegar perto dela de novo, eu te jogo na cadeia seu marginal!
E a porta é fechada com força nesse momento.
Gracindo abre sua padaria quando entra um rapaz procurando por ele.
_Eu me chamo Gracindo. Qual é o seu nome?
O rapaz fica maravilhado e nem sabe o que dizer naquele momento. Gracindo estranha.
_Rapaz, posso ajudá-lo em algo?
_Desculpa Senhor Gracindo, mas me pediram pra entregar isso. _e o rapaz tira do bolso uma pequena carta e o entrega em mãos.
Gracindo pega a carta da mão dele e reconhece a letra. Ele começa a ler em silêncio cada palavra e se surpreende ao ver o jovem em sua frente.
_Meu Deus! Como?
Alguns minutos depois, os dois se entreolham em silêncio.
Gracindo decide quebrar aquele clima.
_Como ela está?
E o rapaz responde:
_Ela está bem. Morando em uma cidade pequena do interior.
_E porque ela nunca me falou isso?
_Minha mãe não queria que eu lhe conhecesse mas eu resolvi encarar a situação de frente e conhecer meu pai.
_Seu nome...
_Nathan. _responde o rapaz.
Eleonora se arruma toda para sair e disfarça os olhos com óculos escuros. De repente, um moto táxi assovia e ela percebe, indo em sua direção.
_Pra onde vai amor? _pergunta o rapaz, sorrindo.
_Pra onde você quiser me levar. _ela responde.
Uma vizinha que passava na mesma hora escuta aquilo e não hesita em provocá-la.
_Mas é muito piranha mesmo!
Eleonora fica séria no mesmo instante mas não responde a provocação. Ela sobe na garupa da moto táxi e os dois saem em seguida. Edmílson vê a cena da janela do quarto.
Rodolfo vai á casa de Jordan e os dois jogam vídeo-game em sua casa. Do quarto ao lado, Danilo conversa com João sobre Jéssica.
_É isso que dá confiar em alguém que mora distante. Eu nunca me envolveria com pessoas que moram longe. _diz João.
_Pow eu precisando de uma força e você me colocando mais pra baixo. Que tipo de amigo é você? _diz Danilo insatisfeito.
_Desculpa brother! Mas que sacanagem essa Jéssica fez hein?
_Nem fala cara. Eu estou me sentindo péssimo. Não esperava isso dela não.
_Danilo, você sabe que sou praticamente um irmão pra você mas acho que seu pai tem razão. Você tem que partir pra outra, ficar com quem realmente gosta de você tipo a Victoria por exemplo.


_Peraí! Você está me empurrando pra Victoria? Logo ela que se envolveu com o Júnior, aquele bandido que quase matou Jordan? Nem pensar.
_Mas Victoria não tem nada a ver com isso, meu amigo. Júnior está na prisão pagando pelo que fez e ela está livre.
_Eu preciso pensar em tudo isso meu amigo. A minha relação com a Jéssica continua recente entende? Eu amo demais ela pra tentar esquecer assim.
_Eu sei Danilo mas vocês chegaram a ter algo. Tipo você entende do que estou falando né?
_De ir pra cama com ela? Bom, a gente dormiu juntos mas não rolou nada.
_Como assim não rolou nada?
_Eu não sei cara. Não era o momento certo. Ela não estava preparada.
_E pra ir pra cama de outro, estava né?
Aquelas palavras magoam Danilo que fica em silêncio por alguns instantes e depois volta a pronunciar algumas palavras:
_João, preciso desligar! Eu vou descansar um pouco.
E o telefone é desligado deixando João sem entender nada.
Acreditando que ele poderia ser o primeiro homem a levar Jéssica pra cama de verdade, Danilo se sente totalmente confuso e algumas lágrimas não páram de molhar seu rosto. A ideia de ter sido trocado e levado um par de chifres não lhe saía da mente. O fato é que Danilo nunca suportou traição e depois que conheceu Jéssica e se interessou por ela, houve uma mudança em seu comportamento. Ele deixou de aprontar confusões nas ruas e se interessou mais pelos estudos. Estava com péssimas notas na faculdade e de um tempo pra cá, tinha melhorado muito. E essas mudanças ocasionalmente tinha uma causa: Jéssica! Por ela ele mudou. Mudou suas atitudes e se tornou uma pessoa melhor. Mas não foi só pelo amor que ele sentia por ela, porém pela sua vida inteira. Ele começou a enxergar mais além daquilo que via. Ele enxergava o futuro, onde Jéssica participaria integralmente dele. Seria um mundo em que os dois viveriam naquela história de “felizes pra sempre” mas nem sempre o destino fica a favor.
←  Anterior Proxima  → Inicio
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meu Canal no Youtube

Novidade!!

Blogs Brasil

Google+ Badge

Ajude o site e ganhe um brinde exclusivo!

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Siga-nos por E-Mail

As Top 5+!

Frase do Dia

Seguidores