...
Feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
® Talentosos Escritores 2011/2015 - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Postagem em destaque

O sorriso que muda tudo - Texto Especial

Engraçado quando você gosta de uma pessoa e ela não te dá nenhuma chance. Não corresponde seus olhares, alega que a distância é um fardo eno...

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Featured Posts

Social Icons

Arquivo do blog

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você
Clique e conheça! Por Adriana Vieira

Arquivados

Tenha Talentosos Escritores no seu E-Mail

Compartilhe suas ideias!

Compartilhe suas ideias!

Em breve!

Marcadores

Traduza!

@Leoangellus

Anuncio!!

Leitor (a) da Semana

Leitor (a) da Semana
Quem será o próximo (a)?
"O site Talentosos Escritores" estará passando por mudanças em breve. Portanto, a ausência de postagens de conteúdos importantíssimos como as novelas por exemplos. Mas isso é algo que estamos organizando, tempo ao tempo. Eu, como administrador, estou contando com uma equipe boa pra poder fazer o site cada vez melhor. A gente está se reunindo pra obter novidades em alta pra você, que nos acompanha há muito tempo. Peço desculpas pela demora dos conteúdos e a gentileza de aguardarem pacientemente. O Talentosos Escritores vai mudar, mas tenho certeza de que será pra melhor ok! Um grande abraço a todos." - Leandro Angellus

Oferta Amazon!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

15º Capítulo - Unidos pelo Destino

video

A funcionária Sirlene da pousada traz um copo de agua fria e se aproxima de Lauriete que estava desmaiada.
_Eu conheço essa menina e isso aqui funciona que é uma beleza. _diz ela, jogando a água no rosto da jovem, que acorda e fica assustada. _eu não disse que funcionava.
_Oi! Você está bem? _pergunta Apolo preocupado.
_Eu não acredito. Você ainda está aqui? _pergunta Lauriete confusa.
_Moço essa garota sonha em arrumar um namorado. Por isso se o senhor mesmo gostou dela de verdade, não a decepcione senão o pau come. _diz Sirlene séria.
_Sirlene pára! _diz Lauriete cheia de vergonha e fazendo Apolo sorrir.
_Não se preocupe! Eu não vou decepcioná-la.


_acho bom mesmo porque esse olho é irmão desse viu. A gente é pobre mas tem sentimento. _diz Sirlene, cada vez mais séria.
_Pára com isso logo eu hein? Desculpa Apolo estar te colocando nessa situação toda. Sirlene não bate bem da cabeça não. _diz Lauriete.
_Fico feliz que você não está com ninguém de verdade.
_Vai começar de novo esse assunto? Oh Céus!
_É sério. Eu não estou brincando e muito menos brinco com sentimento de ninguém. Se você quiser, a gente pode sair pra conversar e tal nos conhecermos de verdade.
Lauriete fica pensativa e Sirlene cruza os braços.
_Posso fazer uma pergunta Senhor? _ela se intromete fazendo Lauriete a encarar-lhe séria.
_Claro. _ele responde.
_Quais são as suas intenções com a menina?
_As melhores possíveis. Eu busco conhecer uma garota pra preencher o vazio que toma conta dos meus dias e dar a ela todo o meu amor possível. Uma garota com o perfil dela. _e ele vira a Lauriete que não consegue disfarçar o sorriso.
_Minha amiga aproveite porque os homens hoje em dia alguns não valem o prato que come e este sim me parece um bom sujeito e pode te fazer feliz. _diz Sirlene.
_Poxa obrigado! _ele agradece.
_Não agradeça meu rapaz! Cuide bem dela e não a faça sofrer porque senão vai se ver comigo.
_Chega Sirlene! Eu sei me cuidar sozinha e tenho certeza de que o Apolo sabe muito bem disso. _diz Lauriete finalizando o assunto.
_O meu convite de sair com você ainda está de pé? _diz Apolo.
_Olha...
_Lauriete se você não aceitar o convite, vou te achar uma tola viu. _diz Sirlene, se intrometendo de novo. _Aceita e deixa de ser enrolada.
Lauriete encara Sirlene séria e olha para Apolo que espera por uma resposta sua.
_Ta bom aceito!
_Aleluia! Agora vou trabalhar. _diz Sirlene saindo porta afora e deixando os dois à sós.
_A sua amiga é muito engraçada. _diz Apolo.
_Nem me fale. _diz Lauriete.
_Ah e se ela desmaiar de novo, tem mais água no freezer. _diz Sirlene abrindo a porta de novo.
Lauriete pega um talher da mesa e ameaça jogar na amiga que fecha a porta rapidamente.
_ás vezes ela me dá raiva.
Apolo sorri bastante e se aproveitando da situação, rouba-lhe um beijo dela. Lauriete não faz nada para impedir aquela situação e acaba se rendendo ao beijo do rapaz.



Guilherme decide fazer um ritual e ao fazer uma pequena oração, a chama da vela se torna forte e ele sente uma brisa leve soprar seus cabelos. Um espírito estava ao seu lado e ele abrindo os olhos, sentiu seu toque em seu ombro. A chama do caldeirão estava em labareda e a vela ficava forte demais. Guilherme sentiu espíritos malignos tentando entrar no círculo do seu ritual e a presença do espírito do bem ao seu lado. Ele então entendeu o significado que a chama revelava á ele: uma força sobrenatural se aproxima e vai atravessar o seu caminho de novo. Por alguns minutos pensativo, ele falou pra si mesmo o nome do seu rival: Henrique.

Dulce fica pensativa a respeito do que o capanga Donizete disse a ela quando Iracy a chama na sala.
_Sim. _responde Dulce.
_Henrique ligou avisando que está retornando ao Brasil em alguns dias. Vamos preparar uma pequena recepção.
_Então Esmeralda vem com ele?
_Mas é claro. É esposa dele. _diz Iracy saindo e deixando-a animada.
_Minha menina vai voltar. Que bom!

Lauriete se afasta de Apolo e diz:
_Por que fez isso?
_Desculpa! _ele responde.
_Eu gostei. _diz ela o fazendo sorrir.
_Que bom! Eu também.
E os dois voltam a se beijar novamente.
Da porta, Sirlene vibra contente.

Acontece o evento em Paris. Crislaine marca presença com seu elegante vestido até aos pés de cor vermelha e cabelos encaracolados até o pescoço. Henrique e Esmeralda tomam drinques ao meio de pessoas elegantes e bem sucedidas. Garçons se revezam para atender ao público e a festa de gala e pompa é cenário perfeito para lindas fotos. O brilho e o luxo estavam presentes o tempo todo. No palco artistas e orquestra sinfônica tocando choppin mas quem ganhou destaque e reverência foi uma pianista inglesa que se apresentou tocando um dos seus singles de maior sucesso. Aplausos também foram soados quando uma cantora lírica se apresentara com um vestido nada formal e um pouco exagerada.
_Não vai comer nada Esmeralda? _pergunta Henrique sério ao ver ela só com a taça de drinque na mão.
_Eu estou sem fome Henrique. _diz ela.
_Entendo. Espero que esteja gostando da festa.
_Por que me trouxe?


_Você é minha esposa e eu tenho que estar do seu lado sempre.
_Esse ambiente não me pertence e você sabe muito bem disso.
_Eu sei o que é melhor pra você e quero oferecer sempre o melhor.
_Não sabe porque não teria me trazido e sim me deixado no lugar que eu sempre quis estar.
_Esmeralda não vamos começar a discutir né?
_Desculpa! Eu só estou sendo bem franca.
_eu não quero ouvir sua franqueza meu amor.
_você é um homem que não sabe ouvir não né? Sempre com o seu jeitinho de se portar elegante na frente dos outros e tentar passar uma imagem de um homem fino, ninguém consegue enxergar quem realmente és por dentro de toda essa roupa. _diz Esmeralda, clara e fazendo ele ficar sério.
Um casal que estava próximo deles ouvira a conversa um pouco e os encararam. Henrique disfarça e distancia Esmeralda um pouco das pessoas e decide conversar com ela.
_Qual é o seu problema Esmeralda? O que você quer mais de mim?
_Eu quero ser feliz Henrique.
_Ser feliz? E você não está sendo Esmeralda? Quem lhe compra joias caras e vestidos novos pra você? Eu é claro! Quem lhe traz a festas e faz tudo que você quer? Eu de novo.
_você pode comprar o que quiser de mim mas nunca conquistará meu coração. _diz Esmeralda séria.
_Eu sei que nunca consegui te conquistar mas eu tenho esperanças.
_eu não me importo com suas esperanças. Quer saber a verdade Henrique? Quando me deitei com você eu não era virgem.
Henrique fica perplexo com aquela revelação e olha para os lados para ver se alguém ouvira aquilo.
_Esmeralda a gente conversa mais tarde sobre isso.
_tudo bem! Eu só queria te avisar mesmo.
_você está acabando com o nosso casamento.
_o nosso casamento nunca existiu. _diz ela séria e saindo rapidamente da festa deixando ele sozinho entre as pessoas que observavam curiosos a cena.

Crislaine flagra a cena e bebendo seu coquetel, sorri ao ver a expressão de Henrique plantado no meio do salão enquanto as pessoas dançavam ao seu redor com os seus pares.

←  Anterior Proxima  → Inicio
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meu Canal no Youtube

Novidade!!

Blogs Brasil

Google+ Badge

Ajude o site e ganhe um brinde exclusivo!

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Siga-nos por E-Mail

As Top 5+!

Frase do Dia

Seguidores