...
Feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
® Talentosos Escritores 2011/2015 - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Postagem em destaque

O sorriso que muda tudo - Texto Especial

Engraçado quando você gosta de uma pessoa e ela não te dá nenhuma chance. Não corresponde seus olhares, alega que a distância é um fardo eno...

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Featured Posts

Social Icons

Arquivo do blog

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você
Clique e conheça! Por Adriana Vieira

Arquivados

Tenha Talentosos Escritores no seu E-Mail

Compartilhe suas ideias!

Compartilhe suas ideias!

Em breve!

Marcadores

Traduza!

@Leoangellus

Anuncio!!

Leitor (a) da Semana

Leitor (a) da Semana
Quem será o próximo (a)?
"O site Talentosos Escritores" estará passando por mudanças em breve. Portanto, a ausência de postagens de conteúdos importantíssimos como as novelas por exemplos. Mas isso é algo que estamos organizando, tempo ao tempo. Eu, como administrador, estou contando com uma equipe boa pra poder fazer o site cada vez melhor. A gente está se reunindo pra obter novidades em alta pra você, que nos acompanha há muito tempo. Peço desculpas pela demora dos conteúdos e a gentileza de aguardarem pacientemente. O Talentosos Escritores vai mudar, mas tenho certeza de que será pra melhor ok! Um grande abraço a todos." - Leandro Angellus

Oferta Amazon!

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

25º Capítulo - Unidos pelo Destino

Esmeralda e Herus se afastam um pouco e os dois se olham um para o rosto do outro por alguns minutos.
_Você foi o que eu procurava nos meus sonhos. _diz ele, iniciando o assunto.
_Seus sonhos? Como assim?
E neste momento, ele tira do bolso da calça o seu cordão e ela fica surpresa.
_Como você conseguiu isso?
_O destino me trouxe ele à você. _diz Herus, sorrindo.
A partir daquele ínterim, Esmeralda percebe que o rapaz é o homem que ela estava esperando há muito tempo depois de seu relacionamento passado, ou seja, ela esperava encontrar Dionísio e ele estava ali em sua frente.
_Você é... _ia falar ela quando ele toca com seus dedos em seus lábios.
_Sou o seu grande amor. _diz ele, a beijando intensamente.


Enquanto isso, Françoise chega em casa e encontra o marido bebendo cerveja de frente á televisão.
_Oh amor que bom que chegou! Eu nem jantei ainda esperando você.
_Ah meu lindo! _diz ela, o abraçando e o beijando. _Pode deixar que vou preparar nossa janta ta!
_Oh mulher mas você está bonita hein?
_Ah amor você reparou! Eu fiz os meus cabelos com a Sirlene.
_Está linda. _diz ele sorrindo e depois olhando para o jogo que estava sendo transmitido na televisão.
Françoise se olha no espelho e sorri sozinha ao ver o seu novo visual.
De repente, a filha Fernanda chega e os encontram na sala.
_Oh minha filha! Dá um abraço aqui no teu pai.
_Oi pai! Oi Mãe! Tudo bem com vocês?
_Tudo certo, filha. _diz ela.
Fernanda abraça o pai e Françoise sorri.
_Como foi o seu dia?
_Cansativo, mãe! Nossa mas que calor está fazendo hein? Lá no trabalho todo mundo tava reclamando.
_Fazer o que né minha filha?
_Filha, eu vi na reportagem que estava em quarenta graus. _se intromete o pai.
_Mas é isso mesmo. Você precisa se cuidar Fê. Esse calor está matando.
_Isso é verdade. Bom gente vou tomar uma ducha.
_Vai lá que a cozinha me espera! _diz Françoise.

Pedro encontra Silvana sorrindo e olhando para o celular.
_Posso saber qual é a graça?
Silvana se assusta e guarda o celular no bolso.
_Não lhe interessa ok! O que está fazendo aqui? Perdeu algo?
_Sem graça. O que você está aprontando dessa vez hein?
_Eu? _diz ela começando a rir. _Eu sou um anjo meu bem.
_Anjo sei. Está mais para capeta do que anjo.
_Nossa. Por quê você acha que só faço o mal?
_Eu te conheço Silvana e sei muito bem do que é capaz.
_Se você sabe então o que eu posso dizer né?
_Garota você é muito sem graça. Eu estou até imaginando o seu plano e vou te dizer uma coisa: vai falhar.
_Ah vai não porque eu sei muito bem fazer as coisas saírem perfeitas. Se você me conhece bem como diz, sabe que eu não falho. Beijo! _diz Silvana se retirando e deixando ele pasmo.
_Ela está aprontando.

Herus e Esmeralda se entregam perdidamente um ao outro e a lua sobre suas cabeças é testemunha do amor dos dois. O mesmo local em que Esmeralda teve a primeira noite com Dionísio serviu para Herus também tê-la como sua naquele mesmo momento. E entre beijo e toque, regado á carinho e prazer, Esmeralda não sente nenhum medo em se entregar ao seu grande amor ali novamente e viver a mais pura magia do amor infinito. As juras de amor em seus ouvidos e o enlace perfeito contagiava o clima daquela floresta. A natureza estava a favor do casal e as estrelas do céu brilhavam radiante.


Com o passar das horas, Esmeralda se via deitada sobre o peitoral de Herus.
_Foi maravilhoso te encontrar.
_Eu digo o mesmo. _diz ele, acariciando seus cabelos devagar.
_Eu estou muito feliz. Mas preciso te falar algo.
_Esmeralda. _e ele pega em sua mão. _Eu sempre sonhei com você. Sempre sonhei com cachoeira. Dos nossos momentos. Eram cenas reais.
Esmeralda fica séria nesse momento.
_Como assim sempre sonhou comigo?
_Eu não sei. Nunca entendi porque você estava nos meus sonhos.
_E apesar de ter lhe visto hoje, eu sinto a mesma aura do Dionísio. _diz ela, emocionada.
Herus se levanta um pouco e senta sobre a pedra, deixando Esmeralda confusa.
_Desculpa. Acho que falei demais né?
_Tudo bem. Dionísio? Eu não sei porque mais esse nome é meio familiar pra mim.
_A gente pode conversar sobre isso depois com calma.
_Não. Eu gostaria de saber dessa história um pouco mais. Você ainda o ama?
_Ele foi o primeiro homem da minha vida.
_Certo. Mas eu estou no seu presente agora.
Esmeralda sorri.
_Sim. Por um acaso do destino, você está.
_Preciso te entregar uma coisa. _diz ele, tirando do bolso a medalha que brilhava reluzente e ela se encantou ao ver o objeto perdido.
_Mas como? Eu achei...
_Que tivesse perdido? Mas eu encontrei pra você.


Esmeralda quando pega no objeto, lembra do passado e sente uma forte dor de cabeça.
_Está tudo bem com você?
_Eu não sei. Se importa de ficar com ela?
_Com a medalha? Sim. Por mim tudo bem. Mas você tem certeza?
_É melhor. Ela me faz lembrar do passado.
_Desculpa Esmeralda mas ninguém esquece o passado. Eu acho que o Dionísio ainda vive no seu coração.
_Não! Ou melhor dizendo sim. Ah eu estou confusa. Eu não consigo aceitar que ele partira daquele jeito.
De repente, cenas surgem na mente de Herus. Tiro, sangue e galope de cavalo correndo pela mata.
Herus abraça Esmeralda nesse momento e a beija intensamente nos lábios.


Ralph e Crislaine se distanciam um pouco.
Ela senta num banco e verifica o celular com as malas empilhadas do lado e ele procura por informações na recepção e não consegue tirar os olhos dela.
Crislaine faz uma ligação e coloca suas mãos na nuca e vai descendo pelas costas devagar e isso prende a atenção do rapaz que sorri.
De repente, a voz da funcionária incomoda.
_Ah desculpa! Eu não ouvi a senhora.
_Eu disse que o seu táxi chegara.
_Certo. Obrigado! _ele agradece, indo para o táxi.
Crislaine abre a porta do quarto e coloca as malas no canto.
Ela abre as janelas da pousada e encontra Ralph conversando com o motorista do táxi.
“Que homem é esse?”

O pensamento voa.
←  Anterior Proxima  → Inicio
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meu Canal no Youtube

Novidade!!

Blogs Brasil

Google+ Badge

Ajude o site e ganhe um brinde exclusivo!

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Siga-nos por E-Mail

As Top 5+!

Frase do Dia

Seguidores