...
Feed
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
® Talentosos Escritores 2011/2015 - Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Postagem em destaque

O sorriso que muda tudo - Texto Especial

Engraçado quando você gosta de uma pessoa e ela não te dá nenhuma chance. Não corresponde seus olhares, alega que a distância é um fardo eno...

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Featured Posts

Social Icons

Arquivo do blog

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você

Música e Poesia - Uma Página feita pra Você
Clique e conheça! Por Adriana Vieira

Arquivados

Tenha Talentosos Escritores no seu E-Mail

Compartilhe suas ideias!

Compartilhe suas ideias!

Em breve!

Marcadores

Traduza!

@Leoangellus

Anuncio!!

Leitor (a) da Semana

Leitor (a) da Semana
Quem será o próximo (a)?
"O site Talentosos Escritores" estará passando por mudanças em breve. Portanto, a ausência de postagens de conteúdos importantíssimos como as novelas por exemplos. Mas isso é algo que estamos organizando, tempo ao tempo. Eu, como administrador, estou contando com uma equipe boa pra poder fazer o site cada vez melhor. A gente está se reunindo pra obter novidades em alta pra você, que nos acompanha há muito tempo. Peço desculpas pela demora dos conteúdos e a gentileza de aguardarem pacientemente. O Talentosos Escritores vai mudar, mas tenho certeza de que será pra melhor ok! Um grande abraço a todos." - Leandro Angellus

Oferta Amazon!

segunda-feira, 25 de maio de 2015

56º Capítulo - Unidos pelo Destino (Últimos Capítulos)

Phelipe abre a porta e permite a entrada da visita.
_Eu achei que não voltaria a te ver de novo por aqui.
_Pois é! Eu decidi vir. Desculpa não ter avisado. _diz a amiga.
_Foi bom você ter vindo. Estou precisando de uma companhia.
_Humm. Está se sentindo sozinho é gato?
_Agora sim. _diz o rapaz colocando a jaqueta por cima de uma cadeira.
_Ué mas e a garota que você estava conhecendo?
_Terminamos. Mas não quero falar sobre isso não.
_Compreendo. Bom, mas não fica assim não! Tudo vai se resolver.
_Gosto da sua companhia sabia?


A amiga o abraça fortemente e o beija no rosto.
_Aconteça o que acontecer, estou aqui sempre viu?
_Obrigado pelo carinho e pela força! _ele diz, beijando sua mão e sorrindo alegremente.
_Meu amigo que adoro e amo de paixão!
_Sua linda! _ele diz, descontraidamente.

Maitê e Herus continuam a conversar sobre Iracy.
_Então essa mulher está no seu caminho? Nossa Herus! Nunca imaginei que ela ficaria contra o seu namoro.
_pois é Maitê! Sinto que a cada dia que passa, a minha relação com Esmeralda está sob ameaça.
_E agora sua mãe com essa história de ir embora né?
_Mas eu não vou! Eu não posso deixar Esmeralda. Eu fujo com ela se for preciso. _diz Herus sério.


Com o passar das horas, Lauriete chega em casa e encontra a mãe Marieta e a abraça fortemente em lágrimas.
_O que houve minha filha? Não gosto de vê-la sofrer assim.
_Mãe, eu perdi o homem da minha vida.
_Oh minha filha, eu sempre te apoiei em tudo. Apolo ainda te ama.
_Eu sei disso. Aliás, eu percebi isso mãe mas ele foi embora. E eu nunca mais vou vê-lo. _diz ela triste.
_Minha filha, se eu tivesse condições eu ia te ajudar mas eu nem sei o que fazer.
_Eu não posso ficar aqui parada chorando por ele. Eu preciso agir. _diz ela tensa, e começando a arrumar suas coisas.
_Filha, pelo amor de Deus o que você vai fazer?


_Mãe, eu passei a minha vida toda procurando alguém que me fizesse sorrir, mas de uma maneira apaixonante. Alguém que pudesse me fazer feliz.
_Nossa filha que lindo isso! Mas você sabe onde encontrá-lo?
_Eu dou o meu jeito mas eu preciso pegar aquele avião para o Rio. _diz ela, nervosa.
_Ah minha filha! Você numa cidade grande que mal conhece, eu estou preocupada com você.
_Mãe, apenas torce por mim! Eu preciso do Apolo. _diz Lauriete, séria.
Pedro chega de carro e pára em frente a casa de Marieta e toca a buzina. As duas vão até a janela.
_E aí está pronta? _pergunta o rapaz sorrindo.
_Estou. Calma aí! _diz Lauriete feliz da vida.
_Filha, espero que você esteja tomando a decisão certa.
_Eu estou mãe! Eu estou fazendo sim. Fica com Deus a senhora e o pai que eu vou atrás do meu amor.
E assim as duas se abraçam fortemente. Lauriete beija-lhe o rosto e pega a mochila depressa. Marieta fica com uma mão no coração e pensativa.
Pedro abre a porta do carro para Lauriete que entra depressa e diz:
_Vamos pro aeroporto agora!
_Sim senhora chefia! _diz ele sorrindo alegremente e partindo.


Hortência lava suas roupas quando a campainha toca e ela gentilmente atende. A visita de Iracy é inesperada.
_Oi! _cumprimenta Hortência.
_Olá! A senhora se chama Hortência?
_Sim. Sou eu mesma.
_Que bom! Atrapalho?
_Não. _diz ela.
_Ótimo. Eu sou mãe de Esmeralda.
Hortência muda de expressão.
_Será que a gente podia conversar? _pergunta Iracy séria.
Hortência abre a porta para ela em seguida.

Nesse instante, Guilherme encontra Dulce e os dois conversam seriamente.
_Fico feliz que Esmeralda tenha aceitado você como mãe dela. Aliás, vocês duas são muito ligadas uma a outra.
_Eu também estou feliz. Ela entendeu meu motivo de tê-la entregado a Iracy. _diz Dulce, emocionada.


_Você é uma boa mãe Dulce! Esmeralda entenderia que você não teve escolha. Você teve ela muito cedo.
_Sim. Mas o importante é que minha menina me aceitou e agora nada vai nos separar mais.
_Com certeza e também vocês nunca se afastaram uma da outra. Agora será que a Esmeralda vai perdoar Iracy?
_Posso te confessar uma coisa?
_Sim.
_Iracy não merece o amor de Esmeralda. Eu não a perdoaria.
Guilherme fica sério.


Hortência e Iracy conversam na sala.
_Eu estou disposta a me mudar de cidade e levar o meu filho comigo. Quero que ele esqueça a sua filha e namore alguém da idade dele. _diz Hortência.
_Entendo e concordo totalmente com as suas palavras. Minha filha tem um futuro digno de um bom casamento e seu filho não tem a mínima condição de fazê-la feliz.
_Por acaso a senhora está se referindo a minha condição social?
_Sim. Somos uma família nobre e não nos misturamos com pobres.
_Por que a senhora veio na minha casa então?
_Eu vim para poder conversar a respeito dessa situação.
_Entendo mas não precisava perder o seu tempo precioso para visitar a simplicidade do meu lar. Eu estou por dentro desse assunto também e como a senhora, eu não quero me misturar com família nobre e preconceituosa.
_Eu não sou preconceituosa. Eu só acho que...
_Não complete suas palavras. Faça o favor de ir embora por favor!
_Tudo bem! Deixe o seu filho longe da minha filha ok! E espero nunca mais pisar nessa casa.
_Com certeza a senhora nunca mais vai pisar aqui. Passe bem! _e diz ela, abrindo a porta para Iracy sair.
Iracy faz beiço e sai porta afora, fazendo Hortência bater a porta em seguida.

_Vaca! _diz ela, irada.
←  Anterior Proxima  → Inicio
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meu Canal no Youtube

Novidade!!

Blogs Brasil

Google+ Badge

Ajude o site e ganhe um brinde exclusivo!

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Quem será o próximo (a) Leitor (a) da Semana hein?

Siga-nos por E-Mail

As Top 5+!

Frase do Dia

Seguidores